fbpx
Blog

O que é e-commerce, como funciona e como criar o seu do zero.

Se você é dono de uma empresa, precisa estar antenado com tudo o que acontece no mercado e não é de hoje que o e-commerce é essencial, principalmente nos momentos de isolamento que estamos vivendo. 

Um e-commerce, ou “comércio eletrônico” na tradução para o português, é a compra e venda de produtos por meio da internet. 

Em um e-commerce é possível vender qualquer coisa: desde produtos eletrônicos, roupas e alimentos até cosméticos, artigos esportivos e acessórios de sex shop, por exemplo.

A pandemia do coronavírus tem nos mostrado o quanto a internet é importante. Muitas e muitas empresas acabaram tendo que fechar suas portas por não terem adaptado sua estratégia de vendas para o digital. 

É por isso que, neste artigo, vamos te falar, em primeiro lugar, como funciona um e-commerce, em segundo lugar, qual a sua importância de um e-commerce, em terceiro lugar, quais as vantagens que ele oferece e em quarto lugar, o que você precisa para montar o seu e muito mais. 

Ficou interessado? Então siga a leitura!

Como funciona um e-commerce?

Conforme mencionamos na introdução do artigo, um e-commerce é a compra e venda de produtos por meio da internet, logo, o consumidor compra através de uma plataforma digital que pode ser acessada de diversos dispositivos como smartphone, computador ou tablet.

Entretanto, se para o consumidor é tão fácil e prático, para o dono do e-commerce o processo é um pouco mais complexo e envolve mais etapas.

Inicia-se na montagem do e-commerce, onde é preciso fazer fotos e vídeos dos produtos juntamente com as descrições e especificações de cada item.

Além disso, é preciso fazer parcerias com fornecedores e transportadoras que farão a parte da logística da loja on-line. 

Mas, não adianta ter os melhores produtos do mundo se ninguém conhecê-los, não é mesmo? Por isso, uma parte importantíssima são as estratégias de marketing para o e-commerce

Relacionado: Consultoria de marketing: o que é, como funciona e como ela pode ajudar sua empresa

Também não podemos esquecer do atendimento ao cliente e do relacionamento pós-venda.

Quando um cliente faz um pedido, existe ainda a taxa de frete que vai variar de acordo com a sua região.

implementação de e-commerce bemark

Qual a finalidade de um e-commerce?

A principal finalidade de um e-commerce é permitir que as vendas sejam feitas de maneira prática, rápida e eficiente. Além disso, com um e-commerce é possível ampliar os canais de venda, atingir novos consumidores, vender a qualquer momento do dia e tornar o seu negócio digital, sem a necessidade de vendedores presenciais.

Se considerarmos o ponto de vista do consumidor, comprar pela internet é muito mais simples – diretamente do conforto da sua casa ou de qualquer lugar do mundo com acesso à internet é possível comprar qualquer produto que você quiser.

Um levantamento da Webshoppers em 2020, revelou que o e-commerce no Brasil cresceu 47% no primeiro semestre do ano, a maior alta registrada nos últimos 20 anos. 

Já o Mercado Livre divulgou uma pesquisa mostrando que, em 2020, de cada 10 compradores digitais, 2 compraram pela primeira vez, 1 manteve a sua compra e 6 deles aumentaram suas compras on-line.

Números que surpreendem, não é?

crescimento e-commerce brasil

Qual a importância do e-commerce para as empresas de hoje?

Hoje, não é exagero dizer que dá pra comprar ou vender qualquer produto ou serviço na internet. É possível realizar a assinatura de um serviço para assistir a filmes e séries como a Netflix, fazer consultas on-line com um psicólogo e até mesmo comprar itens perecíveis do supermercado, tudo pela internet.  

Segundo dados do índice MCC-ENET, as vendas do e-commerce brasileiro em dezembro de 2020 foram: 

  •  41,9% para equipamentos e materiais para escritório, informática e comunicação (muito provavelmente por conta do home office e da educação à distância); 
  •  26,2% para móveis e eletrodomésticos; 
  •  11,5% para tecidos, vestuário e calçados; 
  • 7,1% para outros artigos de uso pessoal e doméstico; 
  • 7,5% para artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, perfumaria e cosméticos;
  •  3,4% para hipermercados, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo;
  • 2,4% para livros, jornais, revistas e papelaria;

Isso quer dizer que as vendas on-line são importantes para os mais variados segmentos do mercado. Fornecedores, atacadistas, varejistas, prestadores de serviço e etc: todos podem se beneficiar com um e-commerce.

Aqui vale citar a fala de Bill Gates:

“Se o seu negócio não está na internet, ele não existe.”

Quais as vantagens de um e-commerce?

Vamos listar aqui alguns benefícios de você investir na construção de um e-commerce para sua marca:

– Possibilidade de venda a qualquer momento do dia: os clientes poderão acessar sua loja e fazer compras quando bem entenderem;

– Facilidade na divulgação dos produtos/serviços: você pode divulgar o link dos seus produtos nas redes sociais ou WhatsApp, por exemplo.

– Inexistência de limite geográfico: suas vendas poderão se estender a vários locais (com acesso à internet, é claro).

– Disponibilização de maiores informações sobre o produto: é possível incluir informações do seu produto como modelo, cor, tamanho, marca, peso e entre outras.

vantagens e-commerce

O que é preciso para ter um e-commerce?

Além de estar com o planejamento financeiro em dia, existem algumas etapas técnicas que você precisa encarar para montar um e-commerce além de determinar quais serão os produtos e/ou serviços que você irá vender.

1 – Defina sua persona

Essa etapa inicial será benéfica para o seu negócio como um todo. Uma persona é um personagem fictício criado a partir de dados e pesquisas reais que representa o seu cliente ideal. 

2 – Adquira um domínio

O domínio será o endereço para a sua loja. Por exemplo: lojadamaria.com.br.

Existem alguns sites onde você pode fazer a compra de um domínio e um deles é o registro.br. Lá você pode conferir se o domínio que você deseja está disponível e seguir os passos para fazer a assinatura. 

3 – Escolha a plataforma para e-commerce

Aqui é onde você vai criar a sua loja virtual. Trouxemos algumas sugestões de plataformas para você conferir:

  •  Boxloja
  •  Loja Integrada
  • VTex
  • Nuvemshop
  •  Tray: nossa indicação para você. Uma plataforma que é totalmente customizável e que facilita os processos. Utilizamos aqui na BeMark para desenvolver o e-commerce dos nossos clientes.

4 – Planeje a organização e design da sua loja

Defina qual será o tema do seu site, crie uma logo, decida quais serão as cores da identidade visual e crie os conteúdos necessários para as páginas.

Dica: destaque as suas formas de pagamento e crie alguns banners com as promoções. 

5 – Escolha o servidor

Um servidor é basicamente um computador desenvolvido para armazenar, processar e carregar os dados do seu e-commerce e sistema.   

É possível escolher um servidor compartilhado ou dedicado, mas recomendamos que você opte por um servidor dedicado. 

6 – Atraia tráfego

É fundamental investir em um planejamento de marketing digital para seu e-commerce. Algumas ações principais para atrair tráfego ao seu site são os anúncios pagos, o marketing de conteúdo e o SEO (Search Engine Optimization).

E-commerce do zero é com a BeMark

Você deve estar imaginando que executar sozinho tudo o que falamos até agora não deve ser fácil, né? E não é fácil mesmo. Por isso é importante contar com uma equipe capacitada e que entende do assunto

Nós somos um modelo de agência onde todos participam de forma integrada, têm suas ideias respeitadas e contribuem na descoberta de novos modos de divulgação.

Temos como foco comunicação e marketing, englobando o design estratégico de marcas e identidade visual, desenvolvimento de materiais gráficos, marketing digital e até mesmo fotografia de produtos.

Podemos te ajudar

Podemos te ajudar a criar o seu e-commerce do zero, auxiliando em tudo o que falamos neste artigo e ainda mais:

  • Alinhamento completo com você;
  • Implementação da plataforma Tray;
  • Criação do design da loja com foco na experiência do usuário;
  • Cadastro dos produtos;
  • Estruturação de SEO;
  • Definição das formas de pagamento (gateways);
  •  Integração de plataformas de cálculos de frete;

E claro, ensinamos o cliente a usar a plataforma e fazer os ajustes básicos e necessários. Porque a intenção não é deixar o cliente amarrado na gente, nós trabalhamos de forma conjunta, firmando uma coparticipação com o seu negócio.

Alguns clientes já estão se beneficiando do nosso método de trabalho:

A nossa missão é estar sempre a par das novas tecnologias e ideias para, de forma honesta e criativa, encontrar a solução certa para nossos parceiros.

Vamos tirar esse projeto do papel? É só entrar em contato que ficaremos felizes em ajudar! Chame a gente no Whatsapp ou mande um e-mail. Quer ver mais trabalhos desenvolvidos pela nossa equipe? É só clicar nesse link.